Pharrell Williams garante que não sente pressão para repetir sucesso de “Happy”

 
“Happy” alçou Pharrell Williams a outro nível em sua carreira – que já era bem sucedida. O rapper e produtor vendeu milhões de downloads, ganhou prêmios, foi chamado para inúmeras colaborações, e recebeu até uma indicação ao Oscar pelo single. Mas ele garante que não há pressão para repetir esse sucesso. “Não, não, não. Não há. Quando você está se divertindo, não há pressão”, declarou à rádio Capital FM.
 



Eleito Artista do Ano pela revista GQ britânica, o americano disse que está tudo bem, quando você faz música apenas para o seu bem estar. Para ele, pressão e música boa não são conceitos que funcionam juntos. Ele prefere se manter alheio a isso. 

Nenhum dos singles que ele lançou depois de “Happy” fez o mesmo sucesso. “Marilyn Monroe” e “Come Get It Bae” provavelmente são desconhecidas de muita gente. Mas “Sing” – produzida por ele para Ed Sheeran – liderou a parada britânica e entrou no Top 15 da americana. É um exemplo do sucesso que Pharrell faz sem o grande público saber, lucrando como produtor e compositor.